segunda-feira, 24 de março de 2014

DECIDA!!!



A cada dia que passa, estou mais certo de que ser bem sucedido em qualquer área da vida, é muito mais uma questão de Atitude Mental, do que qualidades ou habilidades técnicas. Isso se traduz em muitos exemplos da humanidade que mesmo desprovidos de habilidades, fizeram coisas grandiosas.

Estou 100% convencido de que obter qualquer nível de sucesso acima da média no Forex (e em qualquer coisa na vida) é uma questão de desenvolver a mentalidade correta. Mais do que análises técnicas, é preciso entender que a raiz de toda e qualquer riqueza reside dentro de nós, na forma de pequenos HÁBITOS diários.

Não acredito que você possa ser bem sucedido, rico ou qualquer outra coisa a menos que você decida dentro de si mesmo, que será essa pessoa. Portanto a pessoa que você deseja ser aguarda dentro de si o momento para exteriorizar-se.

Acredito que toda forma de riqueza começa dentro do ser na forma de uma definição de objetivo. Portanto o caminho para ser próspero é interno e não externo. A riqueza, seja ela como trader, médico ou vendedor de coxinha, vem de dentro do indivíduo que insiste em fazer frente à vida com uma atitude e postura de quem sabe que vai vencer.

Aprender, especializar-se e buscar conhecimento sobre sua profissão (ser trader) é de suma importância, mas muitas vezes as pessoas dão tanta importância aos detalhes técnicos, que se esquecem de olhar pra dentro de si e analisar se os atuais padrões de pensamento e hábitos condizem com os de uma pessoa bem sucedida.

Felizmente (sim, felizmente) se você fizer as coisas pela metade e com má vontade, a realidade de ser bem sucedido (como trader ou pintor), não chegará até você.

Você pode estar em um momento difícil de sua vida e isso pode ofuscar o sol acima de você. De qualquer forma é preciso antes crer para receber. Infelizmente muitas pessoas pensam o contrário: “Se eu tivesse isso seria fácil acreditar. Se eu tivesse aquilo, seria fácil acreditar que daria certo”.

Felizmente (ou infelizmente) não é assim que funciona. É preciso antes acreditar para então estar preparado para receber. Podemos ver a aplicação disso que eu disse em nossa vida. Se você não acredita que ao sair de casa chegará ao seu trabalho, então provavelmente não sairá e portanto nunca chegará. O mesmo acontece se não acreditar que vai se tornar um trader bem sucedido, vai acabar por nunca tornar-se esse trader.

O que eu estou dizendo aqui é mais do que qualquer outra coisa, você precisa entender que o sucesso começa no momento em que define onde quer chegar e começa a dar tudo o que pode para chegar lá. Então ser bem sucedido como trader é mais uma questão de decisão do que qualquer outra coisa.

No momento em que decidir de verdade que quer ser um trader e estiver disposto a pagar o preço para tornar-se essa pessoa, então sim estará no caminho certo para chegar onde deseja. Enquanto não for capaz de definir isso, estará apenas andando em círculos.

domingo, 9 de março de 2014

Análise semanal - 10/03/2014 a 14/03/2014

Olá pessoal. Boa noite.

Gostaria de compartilhar com vocês o vídeo de análise para a semana de 10/03/2014 a 14/03/2014. Nesse vídeo eu falo dos 28 principais pares e do Ouro e nele eu mostro os principais pontos de interesse para a semana que está começando.

Acredito que o vídeo poderá ser-lhe útil:



Se você tiver interesse em aprender a negociar com o gráfico limpo, de forma clara e objetiva, eu recomendo a dar uma olhada no link abaixo onde eu falo do Curso de Price Action Avançado:

http://diariofxonline.blogspot.com.br/p/blog-page_3.html

Se quiser contatar-me, poderá fazê-lo pelo email:

contato@diariodeforexonline.com

Ou pelo skype:

diariofxonline

Um grande abraço e uma excelente semana a todos.

Dyogenes R. Diniz

terça-feira, 7 de janeiro de 2014

Os melhores livros que eu li em 2013

Olá pessoal. Bom dia.

Hoje eu queria trazer uma pequena lista dos melhores livros que eu li em 2013. Na verdade eu não li muito, mas ainda assim encontrei bons livros, que eu quero comentar a respeito com vocês.

Quem Pensa Enriquece - Napoleon Hill: Esse livro é um clássico e encerra a essência do trabalho de Napoleon Hill, o primeiro homem a investigar e organizar os fatores que levam uma pessoa a ter sucesso na vida. Eu devia ter lido esse livro a mais tempo, mas somente em 2013 eu consegui. O livro está entre os melhores livros que eu já li em minha vida. No livro o autor traz o resultado de mais de 20 anos de pesquisa com os homens mais bem sucedidos do mundo (na época) e depois de tantos anos de trabalho, Napoleon Hill descobriu que existia algo em comum entre as pessoas bem sucedidas. Ele organizou as ideias e trouxe as 17 leis do sucesso. O livro mudou completamente a forma como eu via o sucesso pessoal e mostrou um novo horizonte à respeito das forças espirituais envolvidas no processo de evolução do homem interior. Acredito que todo ser humano deveria ler esse livro. Com certeza eu recomendo.



O Poder do Hábito - Charles Duhigg: Esse livro é a apresentação de um trabalho científico à respeito de como são formados e mantidos os hábitos em nossa mente. O autor explica que existe uma parte do cérebro que se encarrega das tarefas mais fáceis ou aquelas que já estão profundamente enraizadas no nosso subconsciente e que isso é feito como meio de otimizar o funcionamento do cérebro de modo que ele não gaste tanta energia com tarefas cotidianas, como escovar os dentes ou vestir a calça. Essas pequenas tarefas são colocadas em "piloto-automático" e assim o cérebro fica livre pra pensar em outras coisas. O ponto principal do livro é que ele mostra como identificar os hábitos e modificá-los. Pra mim, a mudança de hábitos é um dos pontos principais da nossa evolução e acredito que esse livro pode agregar um valor imenso à nossa vida se começarmos a intervir e modificar nossos hábitos de forma deliberada. Eu recomendo esse livro para todos aqueles que se sentem prisioneiros dos seus próprios maus hábitos.



O Método - Phil Stutz e Barry Michels: Esse foi o único livro de auto-ajuda que eu li esse ano. Existe um certo ceticismo com relação a livros desse gênero, mas eu gostei muito desse livro. Os autores são psicoterapeutas e no livro eles trazem técnicas de visualização que pode nos auxiliar de diversas formas. Entre as coisas mais interessantes que eu li no livro estão: A Inversão do desejo, que é uma técnica de visualização que permite incorporar a dor dos momentos desagradáveis e assim crescer com isso e a Autoridade Interior, que trata do efeito sombra, amplamente divulgado por Carl Jung, que é uma imagem do nosso EU interior. Através da técnica de visualização da Inversão do Desejo é possível eliminar o hábito da procrastinação e através da técnica de visualização da Autoridade Interior é possível ver (em sua mente) a imagem do seu e aliar-se à essa parte de você. A aceitação dessa parte de você parte de você poderá trazer enormes benefícios. Eu recomendo esse livro.



A Arte da Guerra - Sun Tzu: Bastante conhecido, A Arte da Guerra traz ensinamentos militares simples e práticos que podem ser adotados no cotidiano da vida pessoal ou profissional. Com certeza o general chinês e filósofo Sun Tzu foi um homem muito a frente do seu tempo e seus ensinamentos, de 500 anos antes de Cristo continuam atuais e verdadeiros mesmo na era da velocidade extrema da informação. É um livro pequeno e eu recomendo. Muitos dos ensinamentos de Sun Tzu podem ser aplicados diariamente ao Forex.



Prince of Thorns - Mark Lawrence: Esse livro é do tipo fantasia, do estilo Game of Thrones. O protagonista é Jorg Ancrath, um príncipe que ainda menino vê sua mãe, a rainha e seu irmão serem mortos. Impossibilitado de fazer qualquer coisa, ele é jogado, meio vivo, meio morto em uma roseira brava, onde fica por dias. Quando finalmente é retirado da roseira, Jorg é outra pessoa, marcado em seu corpo e sua alma pelos espinhos, ele se torna extremamente violento e cruel e decide que tomará o lugar de seu pai, o Rei, antes dos 15 anos. Liderando um grupo de mercenários assassinos, a única coisa que lhe interessa é o poder e tornar-se Imperador do Império Destruído. Esse livro é bastante interessante, mesmo que o protagonista seja o lado oposto dos heróis que costumamos ver por aí. A leitura com certeza é cativante e eu recomendo esse livro para quem gosta do gênero de fantasia e não se preocupa em encontrar um protagonista que às vezes vai despertar repulsa no leitor.



Os primeiros 4 livros eu li porque gosto muito do gênero de desenvolvimento pessoal e com certeza cada um deles agregou muito à minha forma de ver o mundo. Acredito que cresci bastante, principalmente na leitura de "Quem Pensa Enriquece" e "O Método". O último livro "Prince of Thorns" eu li primeiramente por curiosidade e depois por prazer.

Acredito que os 4 primeiros livros também agregarão coisas importantes a qualquer leitor e fica aqui a recomendação.

Um abraço,

Dyogenes R. Diniz

domingo, 5 de janeiro de 2014

Feliz 2014



2013 acabou e estamos no início de mais um ano e eu quero aproveitar essa oportunidade para te perguntar como foi 2013. Foi bom? Alcançou os seus objetivos? Aprendeu algo novo? Melhorou como pessoa? Adicionou algo de valor ao mundo ou simplesmente sobreviveu?

A virada do ano é um ponto importante para boa parte das pessoas, mas se formos pensar bem a respeito, nada muda na virada do ano. É apenas um jogo de números, onde passaremos de contar o ano como 2013 para contá-lo como 2014. Então as pessoas desejam feliz ano novo, feliz 2014 e desejam uns aos outros que o ano seja melhor que o anterior.

Muitas pessoas dão graças quando o ano acaba, pois tiveram um ano ruim e cheio de dificuldades. Outros lembrarão que aquele foi o "melhor ano" de suas vidas. O fato é que tirando toda a contagem de dias, meses e anos, não existe nada de especial na mudança de um ano pro outro. Não acontece nada mágico à meia noite do dia 1 de janeiro. As pessoas esperam ser mais amadas, mais respeitadas, que o Governo mude, que a inflação diminua e a fome desapareça nesse "ano que está começando".

O fato é que todos os dias e a cada segundo, existe um ano novo começando. Por exemplo, onde estava você no dia 22 de julho de 2012? Pode ser que você não lembra, pois não havia nada especial naquela data. Mas com certeza lembra onde estava em muitas viradas de ano. Porque isso? Porque você “escolheu” dar mais valor ao dia 1 de janeiro que a outras datas "menos importantes".

E exatamente aí surge um problema. As pessoas tendem a esperar algo significativo pra fazer alguma coisa. Esse algo significativo é sempre o início de algum período pré-estabelecido. É sempre na segunda-feira, no começo do mês, no começo do ano, no meu aniversário, etc, etc, etc. Então as pessoas pensam que 2014 será diferente, que será melhor, que ganharão mais dinheiro, que serão mais felizes, que encontrarão um trabalho melhor e o amor de suas vidas.

Começa o ano e as expectativas são altas e conforme vai passando o mês de janeiro, as pessoas começam a voltar ao seu estado de espírito normal e quando chega em fevereiro dizem: "Nossa como janeiro passou rápido. Parece que foi ontem que estávamos reunidos na virada do ano e já faz 1 mês". E isso se repete até abril ou maio, quando as pessoas já se acostumaram com o "ano novo" e o ano novo torna-se velho.

E como nós tendemos a perder o interesse naquilo que já não é novidade, começamos a imaginar como será o próximo ano novo. E isso acontece com os começos da semanas, os inícios de cada mês e assim sucessivamente. O fato é que sempre desejamos o início de um novo ciclo, seja esse ciclo um namoro, o casamento, a semana, o mês, o ano, a faculdade, a aposentadoria e etc. Curiosamente desejamos o início desses ciclos, mas quando eles chegam, perdemos o interesse e passamos a desejar o próximo ciclo e fazemos isso de forma indefinida por toda a vida.

"Porque eu vou começar a fazer regime na quarta? Começo segunda, que é o melhor".

"Já é dia 15, mês que vem começo a guardar dinheiro".

"Ano que vem começo a estudar inglês".

Depois eu levo, depois eu faço, depois eu falo, depois eu guardo, depois eu ligo, depois eu vendo, depois eu compro, depois, depois, depois, depois... E as pessoas sempre esperam o próximo ciclo, seja ele de dias, semanas, meses, anos ou qualquer coisa.

Vou te contar o que vai acontecer depois: DEPOIS VOCÊ MORRE. Isso é o que acontece depois.

Então nesse post, eu quero te desejar algumas coisas pra esse ano de 2014:

Desejo que você tome as rédeas de sua vida agora. Não depois, não segunda, não mês que vem, mas agora mesmo, seja 2 e 15 da tarde ou 3 e 40 da manhã.

Desejo que você quebre de uma vez por todas essa tendência humana de esperar pela segunda, pelo começo do mês ou qualquer outro dia.

Desejo que você tome a decisão de nunca mais esperar por nada pra fazer algo.

Desejo que você faça, comece, seja como for, mesmo não vendo o caminho à sua frente.

Desejo que você crie bons hábitos de leitura, de se alimentar melhor, de se exercitar mais.

Desejo que você nunca acredite em alguém que diga que você não pode.

Não desejo que a vida te ofereça melhores condições, mas que você seja capaz de criar as suas próprias condições.

Não te desejo felicidade, mas que você desenvolva força de caráter suficiente para enfrentar seus desafios e ainda assim ser feliz. Mais do que tudo, ser feliz é um estado de espírito e pra ser feliz é preciso ter paz.

Não desejo que você tenha paz, mas que você seja o motivo da paz do mundo  à sua volta.

Não desejo que seus problemas desapareçam, mas que eles fortaleçam os ossos da sua vontade, porque é a vontade que nos mantém de pé.

Não desejo que você tenha mais dinheiro, mas que você entenda que o dinheiro virá até você quando agregar valor ao mundo, seja isso em forma de ideias, produtos ou serviços.

Não te desejo um ano melhor que o anterior, mas que você seja o melhor que puder ser a cada dia.

Não te desejo Fé, pois ela não pode ser desejada a ninguém, ela pode ser apenas conquistada.

Não desejo que você nunca mais cometa erros, mas que possa olhar pra eles e ser capaz de admitir que errou e que possa aprender com eles.

Eu desejo que as feridas antigas se fechem e que você esteja preparado para as novas cicatrizes que a vida lhe dará. E que cada cicatriz, cada marca em seu caráter fortaleça seu espírito.

Eu desejo que nada abale sua Fé e sua integridade. E que diante de todas as tentações e ofertas para desviar-se do seu propósito principal você se mantenha irredutível e inabalável.

Eu te desejo saúde, mas mais do que isso, eu desejo que você entenda que dentro de certos limites, ter saúde é apenas uma questão de escolha.

Eu desejo que você passe por todas as tuas provações com dignidade e cabeça levantada.

Eu desejo que você entenda que todos os sonhos tem um preço a ser pago e que você esteja disposto a pagar o preço dos seus sonhos.

Eu desejo que você entenda que qualquer sucesso construído sobre falsidade, desonestidade e mentira terá vida curta.

Eu desejo que você entenda que nada pode ser construído, conquistado sem uma sólida estrutura e que essa estrutura é feita com pequenas ações de cada dia.  

Eu desejo, acima de tudo, que a cada desafio, a cada problema ou dificuldade, você encontre nessas situações a semente de um benefício equivalente e a oportunidade de tornar-se ainda melhor.

Eu desejo que você entenda que o sucesso, a realização pessoal e profissional devem ser conquistados e o preço dessas coisas é alto.

Eu desejo que você confie em Deus, mas que você também entenda que Ele fará somente aquilo que você não for capaz de fazer: o que for tarefa sua, Ele não fará por você.

Eu desejo que você entenda que a gratidão está entre os mais nobres dos sentimentos e que não reclame mais de sua vida, independente das condições.

Eu desejo a você um espírito alerta e alegre, pronto pra sorrir e pra vencer.

Eu desejo que você entenda que sorrir e vencer na maioria dos casos é uma questão de escolha e em todos os casos é uma questão de tempo.

Entenda de uma vez, que a vida é feita de ciclos, de altos e baixos, alegrias e tristezas. Portanto a dificuldade de hoje será passageira e logo virão outros desafios.

Desejo que o final desse texto marque o início de um novo ciclo em sua vida. Não porque é começo do ano ou porque leu o texto, mas porque VOCÊ DECIDIU que fosse um novo ciclo.

A partir do momento que DECIDIR esperar menos e fazer e acreditar mais, eu tenho certeza que sua vida mudará.

Um grande abraço e que 2014 traga mais crescimento a você e a todos nós.

Dyogenes Rodrigues Diniz.

sexta-feira, 13 de dezembro de 2013

Negociar sem Medo - Trading in the Zone (Mark Douglas)

Olá pessoal. Boa tarde.

Faz algum tempo que eu tenho vontade de escrever esse post e somente agora tive o ânimo suficiente (hehe). Na verdade eu sabia que o artigo ficaria grande e por isso eu acabei gravando em um vídeo.

Nesse vídeo eu falo do estado mental necessário ao trader que deseja ser bem sucedido e como eu consegui gradativamente começar a negociar sem medo (na maior parte do tempo..rsrsrs). O fato mais curioso é que esse estado mental é bastante comum entre aqueles que estão começando no mercado (também chamado de "sorte de principiante"), uma vez que eles ainda não tem experiências dolorosas suficientes para tirá-lo desse estado mental.

Manter esse estado mental é como equilibrar-se numa corda bamba: além de técnicas, é necessário não ter medo e é exatamente disso que eu falo nesse vídeo. 

Um abraço.

PS: O Curso de Forex Diário Fx Online ainda está no preço promocional de R$ 397,00. Essa promoção acabará em breve e logo voltará ao preço normal de R$ 547,00.



terça-feira, 19 de novembro de 2013

PROMOÇÃO CURSO DE FOREX DIÁRIO FX ONLINE

Olá pessoal. Bom dia a todos.
Esse post é apenas para lembrar que o Curso de Forex Diário Fx Online está em promoção por tempo limitado. 

O preço normal do Curso é de R$ 547,00. Como estamos no final do ano e muita gente aproveita essa época para definir seus planos e objetivos, eu decidi fazer uma promoção de modo a facilitar o acesso ao melhor Curso de Forex disponível em português a um preço mais acessível. 

Portanto no preço promocional, o valor do Curso de Forex Diário Fx Online é de R$ 397,00 (R$ 150,00 de desconto). 

Nesse valor estão incluídos 2 cursos:

     - Curso de Forex Diário Fx Online: Curso completo sobre tendências, Price Action, Correlações, Notícias, Gerenciamento de Risco, Psicologia do trader, Histórico de trades, além de várias planilhas, indicadores e templates que podem ser usados na plataforma MT4 de forma a facilitar a negociação.
     - Curso Negociando na Abertura de Londres: Curso com uma estratégia específica para negociação na abertura do mercado mais volátil do mundo: Londres. 

No total são mais de 45 horas de vídeo e estou sempre adicionando novos conteúdos ao curso.

Se você tem interesse em tornar-se um trader melhor, acredito que o conteúdo desse material pode ser de seu interesse:






Também gostaria de avisar a todos os participantes do Canal de Análises Diário Fx Online que hoje estarei incluindo uma planilha do Excel no Canal onde serão registrados todos os trades do Canal, assim ficará mais fácil fazermos um estudo da performance e da qualidade das nossas operações. Também vou adicionar a funcionalidade de posições abertas todos os dias.

Essa medida vai ser implementada de forma a aumentar a transparência das análises e também para manter um registro das operações realizadas no Canal. 

Um abraço, 

Dyogenes R. Diniz

quinta-feira, 14 de novembro de 2013

O POST MAIS SINCERO QUE JÁ ESCREVÍ - PORQUE EU VENDO CURSOS SOBRE FOREX?




Olá pessoal. Bom dia a todos.

Hoje eu decidi responder uma pergunta que eu recebo de tempos em tempos: 

"Se você entende tão bem de Forex, porque você vende cursos?" 

Eu já tinha pensado em responder essa pergunta anteriormente, mas não o fiz porque sabia que esse post ia ficar grande. Hoje me sinto disposto e inspirado a responder essa pergunta. Eu tenho vários motivos e pra organizar o texto, vou dividir em tópicos.

1 - Quando eu comecei a negociar no mercado Forex, eu não tive a sorte de ter um mentor que me pegasse pela mão e me mostrasse o caminho. Eu fiz alguns cursos, aprendi algumas coisas, mas me faltava muita, muita, muita coisa pra aprender. 

Eu não sabia disso na época e me sentia satisfeito. O fato é que mesmo achando que entendia bastante sobre o mercado, eu não consegui manter minha conta no nível da água. A luta era constante e o resultado foram várias contas quebradas. Com o passar do tempo eu fui acumulando informação e aprendendo mais e vi que na verdade eu sabia pouco sobre o mercado. 

Quanto mais eu estudava, mais eu via que inicialmente me faltavam muitas ferramentas para de fato negociar de forma lucrativa no mercado. Apesar disso, o conhecimento que eu adquiri não era suficiente pra me manter lucrativo. Foi quando eu comecei a me aprofundar mais na parte psicológica da coisa e descobri que existiam muitos "fantasmas" internos na minha forma de pensar e ver a vida. 

Quando eu percebi que eu precisava de algo diferente e um nível superior de disciplina, eu criei o blog (2011). De lá pra cá, a velocidade em minha evolução como trader aumentou muito. Nesse meio tempo eu tive vários mentores, mas um deles em especial marcou completamente minha vida e moldou 60% da forma como eu vejo o mercado hoje. Eu comprei um curso dele e fiz o curso (totalmente em inglês). Eu paguei o curso, mas além de ter pago o curso, me sinto extremamente agradecido pelo conhecimento que adquiri com o material que paguei. Eu diria que o material vale pelo menos 5 ou 8 vezes mais do que o valor pago e pagaria um valor mais alto com gosto. Baseado nisso, eu percebi que fui feliz em ter encontrado esse mentor e que a carreira de novos traders é extremamente difícil por vários motivos:
     - O novo trader nunca (nunca mesmo) sabe como filtrar o que é bom e o que não é.
     - O novo trader é bombardeado com milhares de milhares de ofertas e propagandas "agigantadas" oferecidas pelos brokers. Isso dá aos novos traders uma visão deturpada do mercado, o que na maioria dos casos leva ao caos de contas quebradas e uma irreparável visão de "ganhar dinheiro fácil" sobre o mercado.
     - O novo trader é constantemente "tentado" por promessas mirabolantes de robôs que fazem 200% ao mês, de "mentores" que garantem que você vai ganhar 100% todo mês. Como a experiência desse novo trader é pouca ou quase nada, ele geralmente acredita e acaba entrando nessas "frias". Então eu decidi que eu seria um mentor e que diria a verdade aos traders. Que mostraria minhas operações, que ofereceria um material da mais alta qualidade que eu pudesse produzir e que com todas as minhas forças, procuraria incutir na mente do novo trader que o caminho a seguir é o caminho da consistência, dos passos curtos e ininterruptos. Desse pensamento nasceu o Curso de Forex Diário Fx Online, que conta com mais de 45 horas de vídeo.

2 - Eu conheci o mercado e comecei a estudar em 2009. Enquanto eu começava a aprender e quebrar contas, eu precisava me sustentar, logicamente, foi quando em 2010 eu comecei a dar aulas de inglês na Wizard. 

Apesar de não gostar de ser professor de inglês (por causa do salário e por dar aula pra crianças), eu descobri que me comunico e ensino relativamente bem. Tinha algumas turmas de alunos adultos e enquanto eu dava aula, eu me sentia realizado e feliz. 

Como o desejo de auto-expressão é um dos mais sagrados desejos humanos, eu notei que ensinar me dá muito prazer e isso é algo que eu gosto de fazer, dando dinheiro ou não. Ainda em 2010 eu parei de dar aula, mas a minha experiência como professor foi única e mudou completamente as coisas que eu sabia sobre mim mesmo. 

Eu parei de dar aula eu comecei a dedicar mais tempo ao mercado e foi então que eu vi progressos importantes em meu conhecimento como trader. Em 2011, como parte de uma necessidade pessoal de crescimento como trader eu lancei o Blog Diário Fx Online e gravei meu primeiro vídeo: "Como encontrar tendências no mercado Forex" (http://www.youtube.com/watch?v=Ie9pKi7eoxw)

A recepção foi bastante legal e as pessoas começaram a pedir mais informações sobre o meu método de negociação. Apesar de eu não ter experiência nenhuma como mentor de Forex, eu tinha uma certa experiência como professor de inglês (como organizar as ideias e apresentá-las de forma concisa e fácil de entender). 

Como a recepção do primeiro vídeo foi boa, eu comecei a gravar mais vídeos e a partir daí a criação do meu primeiro curso Diário Fx Online foi resultado de uma sequência de fatos inesperados. Quando eu criei esse blog, eu realmente não tinha intenção de que isso se tornasse um curso sobre Forex. 

Como eu já disse, o desejo de auto-expressão é dos mais sagrados e eu queria exatamente isso, expressar-me. Nem mesmo quando eu criei o primeiro vídeo eu queria criar um curso. Eu gostei tanto da idéia de fazer vídeos e interagir com outros traders que logo eu tinha dezenas de vídeos no Youtube. 

3 - O terceiro motivo pelo qual eu ofereço cursos é que eu acredito o caminho não precisa ser tão tortuoso e difícil pra quem tá começando. Você pode ter um código de honra que diz que vai aprender tudo sozinho e que nunca vai pagar alguém pra te ensinar algo sobre o mercado. Se você pensa assim, devo dizer que discordo de você e inclusive acho esse pensamento um pouco atrasado. Eu ainda tenho uma lista de cursos sobre Forex que quero fazer em 2014 e 2015. Minha formação nunca parou e nunca vai parar. 

Apenas pra ilustrar o que eu quero dizer, vamos tentar lembrar de quando você era pequeno. Não sabia andar, nem falar. Alguém, com mais experiência do que você, pegou na sua mão e te ajudou a dar os primeiros passos, te ensinou a falar e te educou de forma que hoje é possível que você viva em sociedade. 

Ou seja, você não aprendeu quase nada sozinho, alguém te ensinou a comer de boca fechada, a escovar os dentes, a ler, a escrever, a andar de bicicleta, a colocar o chinelo do lado certo, a amarrar o cadarço e a pentear o cabelo. Ou seja, até o dia de hoje, você aprendeu praticamente tudo o que sabe com a experiência de outras pessoas. 

Porque isso não se aplicaria ao mercado? Porque no mercado, que é a maior expressão do desejo selvagem de acumulação de capital do capitalismo, você acha que seria diferente? Você acha que grandes bancos, traders e fundos de investimento tornariam tudo fácil? É lógico que não. É preciso estar preparado e você nunca será capaz de aprender tudo o que precisa ser aprendido sozinho, pois afinal sua vida é muito curta. 

Será que todos os que sabem algo sobre o mercado são obrigados a ter um código de conduta que os impede de ensinar os outros, simplesmente porque eles conseguem ganhar dinheiro negociando? Bom, se existe tal código, eu com certeza desconheço e jamais me submeteria a esse código.

Imaginemos que a partir de hoje você decide que quer criar seu próprio caminho e fazer as coisas do seu jeito, aprendendo tudo sozinho enquanto faz. Nesse caso você precisaria deixar de andar de carro, pois o carro foi um invenção de outra pessoa. Precisaria reinventar a roda, porque não foi você quem a inventou. 

O ponto principal aqui é que você não precisa aprender tudo sozinho. Existem pessoas estudando o comportamento do mercado desde o século XIX (e possivelmente de antes disso) e esse conhecimento pode ser aproveitado. A ciência só evolui porque os homens são capazes de aproveitar o conhecimento de outros homens e seguir a partir do ponto onde o antecessor parou de investigar/aprender. 

Se alguém já inventou a roda, não tem problema, pegue a roda que esse "ser vivo" inventou e torne-a melhor. Se alguém já inventou o carro, adquira esse conhecimento, aprenda a fazer um carro com essa pessoa (não precisa reinventar) e então faça um carro ainda melhor. Se alguém já descobriu como negociar no mercado, não tem porque você aprender tudo do zero novamente, aprenda com essa pessoa e melhore ainda mais a forma como essa pessoa negocia até superar seu mentor. 

Se cada vez que que um homem nascesse ele precisasse "encontrar o próprio caminho" sem aproveitar o conhecimento que outros antes dele adquiriram, eu provavelmente seria um bom caçador agora, mas provavelmente não saberia ler nem escrever, pois com 27 anos precisaria dedicar mais tempo à minha subsistência.

Você pode estar dizendo que todo o conhecimento está disponível na internet de graça e eu concordo com você. Mas como trader novato que eu já fui, posso dizer com certeza que um trader novato não tem o discernimento necessário pra filtrar o que é válido ou não.

Uma outra coisa que as pessoas me perguntam é porque eu VENDO cursos, sendo que eu sei como negociar e não precisaria desse dinheiro, podendo apenas disponibilizar esse conhecimento grátis. A resposta são 2 motivos: 

     - Primeiro: eu não tenho a menor obrigação de dar de graça algo que me custou tanto trabalho, dinheiro, horas de leitura, milhares de reais em cursos, várias contas quebradas, suor, decepção, lágrimas (sim eu já chorei por causa do mercado), angústia, tristeza, desapontamento, desânimo, sentimento de impotência, e vontade de abandonar tudo. O preço que eu paguei em 4 anos de mercado foi bastante alto e não seria justo comigo mesmo simplesmente dar isso de graça pra alguém. Isso seria o mesmo que dizer pra mim mesmo que tudo o que eu passei pra aprender, não teve esforço nenhum, pois a partir da hora que eu oferecesse todo o meu conhecimento e horas de testes para descobrir o que funciona ou não funciona de graça pra alguém e tudo junto em um lugar só, estaria desvalorizando meu esforço ao máximo.

     - Segundo: Eu vendo cursos porque eles também me dão dinheiro. Hoje eu gerencio uma empresa do meu pai (que mora em outro país) e negocio no mercado. Tenho muitas horas livre por dia. Porque eu não poderia vender o conhecimento que de forma tão sofrida eu adquiri e ganhar dinheiro com isso? Quando mais dinheiro eu ganhar (gerenciando a empresa do meu pai e vendendo cursos), menos eu preciso sacar da minha conta no Forex e assim ela crescerá mais rápido. 

Então, pra finalizar esse post, eu vou citar os principais pontos pelos quais eu vendo cursos:

     - Eles me dão dinheiro: Eu vendo meus cursos e tenho a total convicção de que qualquer pessoa que seguir exatamente o que eu ensino, será lucrativo no mercado. Isso porque eu já recebi muitos emails de alunos mostrando seus trades e como estão sendo lucrativos e eu mesmo negocio o que eu ensino. 

     - Eu decidi ser um mentor que diz a verdade: Esse post é um exemplo disso. Como você já deve ter notado, não estou escrevendo esse post pra agradar ninguém, apenas pra responder a pergunta que eu recebo de vez em quando e ser sincero. Em lugar algum dos meus sites, blogs e etc eu prometo algo a alguém. Isso porque eu sei que apesar de que o que eu ensino funciona, existe algo necessário que é de cunho pessoal e até hoje eu não aprendi a ensinar isso: DISCIPLINA. Não existe promessa de rentabilidade, de lucro, de dinheiro, de ficar rico, de nada, absolutamente nada. Existe em mim a certeza de que se você for disciplinado, comprometido e perseverante, a vitória sorrirá pra você. Sem isso, você NUNCA será um trader de verdade, nem que aprenda do próprio Warren Buffett.

     - Eu amo ensinar: ensinar faz parte do meu desejo de auto-expressão. Me sinto feliz depois de gravar um vídeo, responder emails ou perguntas pelo skype. Me sinto extremamente feliz quando recebo depoimentos de alunos que me mostram como estão se aperfeiçoando e ganhando dinheiro no mercado. Esse tipo de realização é algo que não pode ser comprado com dinheiro. A vida não se trata unicamente de ganhar dinheiro, mas temos outras necessidades psicológicas, sociais e espirituais que podem ser saciadas mesmo sem dinheiro.

     - Eu vendo algo que sei quanto custa: Eu sei que o que eu vendo funciona para as pessoas que tenham a mentalidade de que não irão ficar ricas no mês que vem e tem paciência e disciplina. Seria injusto comigo mesmo oferecer tudo o que eu sei de graça, pois uma das lições mais duras que eu aprendi é que NÃO EXISTE ALMOÇO GRÁTIS. 

Qualquer um que queira algo de bom da vida, algo que valha a pena, deve estar também disposto a pagar o preço equivalente àquilo que deseja ou nunca alcançará o seu objetivo.

Um abraço,

Dyogenes R. Diniz

domingo, 10 de novembro de 2013

Análise para a semana de 11/11/2013 a 15/11/2013

Olá senhoras e senhores. Boa noite.

Estou trazendo a vocês a Análise semanal e o resultado do Canal de Análises da semana passada. A semana passada foi um pouco turbulenta no mercado, mas acredito que essa semana poderá nos trazer diversas oportunidades.

Se tiver interesse em saber mais sobre o Canal de Análises e o Curso de Price Action Avançado, clique no link abaixo:

http://diariofxonline.blogspot.com.br/p/blog-page_3.html

Um abraço e bons pips a todos.


quinta-feira, 7 de novembro de 2013

O Segredo do sucesso no Forex em filmes de animação

Olá pessoal. Bom dia a todos.

Faz algum tempo que eu tenho vontade de escrever esse post, mas só agora ele vai sair do forno. Nesse post eu quero falar do segredo para ser bem sucedido no Forex e como ele pode ser encontrado em vários filmes.

Eu devo dizer que sou um grande admirador de filmes de animação (Shrek, Meu Malvado Favorito, Kung Fu Panda e etc). Acho esse tipo de filme extremamente divertido e aprecio muito o resultado do trabalho que eles fazem ao criar esses personagens tão cativantes e engraçados.

Mas eu não estou aqui pra falar do filme, mas sim qual é o segredo do Forex que está presente em alguns filmes de animação que vi. Além de todo o trabalho computadorizado e o roteiro divertido, esses filmes podem trazer ensinamentos valiosos pra quem deseja ser bem sucedido, não somente no Forex, mas em qualquer coisa na vida.

Vou falar primeiramente de um dos filmes que eu mais gosto: Kung Fu Panda. Po é o panda gordo que trabalha com seu pai e tem o sonho de se tornar um lutador de kung fu. É acidentalmente escolhido como o Dragão Guerreiro e isso lhe dá o direito de abrir o pergaminho do Dragão, dentro do qual, supostamente estaria o segredo para tornar-se o Dragão Guerreiro e então vencer o vilão da história. Quando Po abre o pergaminho, vê que dentro dele existe somente um espelho e a única coisa que ele ve lá dentro, é ele mesmo. Ele não entende, sendo que ali deveria existir a "fórmula" para que ele se torna-se o Dragão Guerreiro. Desanimado Po decide que não pode ser o Dragão Guerreiro e decide voltar para o restaurante de seu pai. É então quando seu pai decide contar para ele o "ingrediente secreto" de sua sopa. Po fica animado para ouvir e seu pai diz: "O segredo é nada. Não existe segredo. Não podemos esperar um ingrediente especial para fazermos algo especial". Nesse momento Po entendeu que tanto a sopa de seu pai, quanto o pergaminho diziam a mesma coisa: Não existe um ingrediente especial para fazer as coisas, mas apenas acreditar em si mesmo e agir. Então Po enfrentou o vilão sem medo e o venceu.

Essa analogia mostra o grande segredo para tornar-se bem-sucedido no Forex: Acreditar em si mesmo e agir sem medo.

Outro filme é Os Croods, que conta a história de uma família da pré-história que vivia nas cavernas. O pai, Grug é o chefe da família e todas as noites antes de dormir, conta histórias onde ressalta a importância de ter medo e que sair da caverna significa morrer no mundo exterior. A família toda vive confinada na caverna e passa fome (come uma vez por semana e ainda olha lá), mas tem medo de abandonar a segurança da caverna. Então aparece um sujeito totalmente diferente e avisa que ficar na caverna vai ser o mesmo que morrer, devido às mudanças que acontecerão em breve. A família começa então a fugir do lugar onde eles moravam e no caminho Grug se desenvolve e descobre que ter medo é a pior coisa que existe. Ele então passa a usar seu cérebro e troca a frase de "tenha medo" para "Nunca tenha medo".

Novamente o filme traz a mensagem de que o medo é o pior inimigo do homem e que qualquer evolução exigirá enfrentar nossos maiores medos.

Existem outros filmes que trazem uma mensagem semelhante, mas nenhum deles mostra isso de forma tão claro quanto o filme lançado recentemente por Will Smith: "Depois da Terra". De todos os filmes, esse é o que mostra com maior clareza que o medo é o pior inimigo do nosso desenvolvimento.

Não vou contar a história do filme, pois acredito que seria interessante se você pudesse vê-lo. Algumas pessoas não gostaram do filme, mas eu digo que nas frases de Will Smith reside um grande segredo para qualquer realização na vida e até para quem precisa entender melhor o que é gerenciamento de risco.

Um abraço a todos.

Dyogenes R. Diniz

quinta-feira, 31 de outubro de 2013

O caminho errado.

Olá pessoal. Bom dia.

Antes de começar a minha postagem, gostaria de dizer que o Curso de Forex para Iniciantes foi lançado no dia 25 de Outubro e realmente ficou bastante interessante. Eu te recomendo dar uma olhada nos detalhes do curso, pois acredito que se você estiver aprendendo a negociar nesse mercado, o Curso de Forex para Iniciantes pode ser de seu interesse.

http://diariofxonline.blogspot.com.br/p/curso-de-forex-para-iniciantes.html

Bom, nesse post eu gostaria de abordar um assunto bastante interessante. Muita gente, quando conhece o mercado, devido às oportunidades praticamente infinitas que o mercado oferece, tende a entrar no mercado da forma errada.

Seja isso por falta da formação correta, pela mentalidade errada, pela forma como os brokers trabalham para captar a atenção dos clientes ou por pura ganância, esses novos traders acreditam que encontraram a maior oportunidade de suas vidas (e de fato sim encontraram). Mas essa só será a maior oportunidade de suas vidas se eles souberem o que fazer com ela, caso contrário ela será somente mais uma oportunidade perdida.

O fato é que quando conhecemos o mercado, somos levados a acreditar que podemos ficar rico em 3 meses e começando com apenas 200 dólares. Felizmente isso não é verdade. Nós não vamos ficar ricos em 3 meses com 200 dólares e nem com 100 mil dólares. O mercado sim oferece um fluxo contínuo de oportunidades, mas isso não significa que nós seremos capazes de aproveitar TODAS essas oportunidades. Pensar isso seria o mesmo que você conseguirá pescar todos os peixes do rio. É impossível.

E quando as pessoas começam a negociar, devido à euforia do mercado, elas tendem a querer "queimar etapas". Não se dão ao luxo de aprender devidamente como negociar, não buscam informações a respeito do mercado e começam imediatamente a negociar numa conta real. Infelizmente o futuro desse trader é quase certo: ele vai perder dinheiro. Apenas perder dinheiro não é o problema, afinal todos perdemos e recuperamos dinheiro ao longo da vida. O problema é o estado emocional que uma perda causa.

É nesse momento, quando um novo trader perde dinheiro, que pode ser decidido seu futuro como trader. É como se ele tivesse em uma encruzilhada, diante de 2 caminhos. Se nesse momento ele aceitar que perdeu e decidir se vingar ou tentar recuperar o prejuízo, muito provavelmente ele perderá ainda mais e mais e mais. A menos que ele mude sua atitude, o prejuízo continuará aumentando até o nível em que ele não pode mais suportar tanta dor psicológica ou quando ele já não tiver mais como negociar. Como o ser humano pode ser bastante resistente, ele acaba perdendo o dinheiro pra negociar antes de chegar em seu limite de dor psicológica.

Ou então ele pode aceitar que o mercado é soberano, não se dobra a ninguém e que está sempre certo. Quando o trader entende isso, ele para de culpar o mercado e aceita que o erro foi seu e procura ver onde errou. Esse caminho levará a um aperfeiçoamento do trader, não somente com relação ao mercado, mas também uma evolução como pessoa. As perdas não deixarão de existir e eventualmente ele cometerá um ou outro erro. Se a atitude mental com relação às perdas for a mesma humildade de aceitar que a culpa é sua, ele prosseguirá em seu caminho de evolução e com o tempo, sem que perceba, se tornará um trader lucrativo.

Quando isso acontecer, ele vai ver que nem tudo é culpa sua. Às vezes o sistema dá um sinal, ele age com total disciplina e ainda assim o trade dá errado. De quem é a culpa então? Do mercado? Não. Do trader? Não. Não é de ninguém. Aquele foi simplesmente um trade que não deu certo e o trader de sucesso entende que isso acontece e acontecerá de tempo em tempo. Não existe nada errado com isso.

Em último estágio de evolução, ele não sentirá medo de negociar, vergonha em assumir seus erros e estará disposto a aprender deles. Ele se verá totalmente livre da necessidade de estar certo sempre e a ideia de que o mercado é soberano está fixa em sua mente. Ele também compreendeu que cada operação é um evento individual e único em uma série de eventos, portanto se ele perdeu ou ganhou nas últimas 5 operações, isso não significa que ele ganhará ou perderá na próxima.

No último nível de evolução, negociar se torna uma atividade mental automática. Não há necessidade de racionalizar, basta apenas agir, pois negociar se tornou uma parte de quem é o trader. Negociar se tornou algo tão natural e simples que ele nem pensa sobre isso, apenas faz, sem mais.

É como o servente de pedreiro (eu já fui) que se arrisca a assentar um tijolo. O primeiro tijolo é milimetricamente medido e enquanto o pedreiro leva 10 segundos pra colocar um tijolo, o servente leva 3 minutos e meio, equilibrando a massa no tijolo, vendo como a massa insiste em cair pelo buraco do tijolo, alinhando o tijolo e tudo mais. Enquanto ele assiste o pedreiro colocar, ele não sabe de onde vem tanta desenvoltura pra colocar a massa e a destreza com as mãos.

O pedreiro por sua vez nem pensa nesses detalhes, apenas coloca um tijolo depois do outro e quando o servente pergunta: "Como você faz para que a massa pare direitinho no tijolo?" A resposta é sempre: "Assim ó" e ele mostra. Então o servente vê, mas por alguma razão, não consegue reproduzir da mesma maneira e o pedreiro não consegue explicar como fazer igual porque ele já não pensa sobre isso, mas age de forma natural, com base naquilo que ele é: pedreiro.

E como o ajudante se torna em pedreiro (afinal ninguém nasce pedreiro)? Pela prática. Simples assim. Não existe método pra se tornar pedreiro: é preciso colocar a mão na massa. Você pode fazer um curso pra se tornar engenheiro, pra ser arquiteto, mas pra ser pedreiro tem que colocar a mão na massa. Tornar-se um trader de sucesso é como tornar-se um pedreiro: você só aprende fazendo, mas também é imprescindível que você tenha a mentalidade correta.

O trader consistente (e esse é o maior de todos os objetivos de um trader) simplesmente não mentaliza sobre o que ele está fazendo, ele simplesmente faz, ao tempo que os traders novos procuram uma "fórmula" pra fazer as coisas, mas essa fórmula não existe.

A minha recomendação pra você é que pratique muito, muito mesmo. E quando as perdas chegarem (e elas chegarão), tente descobrir onde está o erro, mas nunca atribua o erro ao mercado, pois ele está sempre certo.

Se por acaso decidir culpar o mercado pelos seus erros, você perderá a chance de evoluir como trader e provavelmente entrará no "eterno looping" de perdas e mais perdas consecutivas...e uma vez estando dentro desse círculo vicioso, é muito difícil sair.

Um grande abraço, fique com Deus e até mais.

PS: Se você já negocia a algum tempo e entende bastante do mercado, acredito que o Curso de Price Action Avançado pode ser de seu interesse:

http://diariofxonline.blogspot.com.br/p/blog-page_3.html